Tudo isso é uma merda, sabe?! Porque a gente tem que fingir o tempo todo que não ama mais alguém, quando a gente ainda ama, quando a porra da saudade tá sufocando, e a gente não pode dizer isso pra ninguém, não pode ligar e falar da saudade, não pode esperar na porta do outro pra dar um abraço. Que merda de vida é essa? A gente tem que se acostumar com as partidas, e se agarrar ao orgulho. E ficar quieto. Fingir que não ama, fingir que não dói, fingir que não sente, pra que um dia não seja só fingimento. Ok, eu entendo isso, estou seguindo esta porcaria, mas isso ao menos funciona? Alguém já conseguiu esquecer o grande amor da sua vida, só de tanto fingir que não ama?
— (via cortesiaaoamor)
Ei, você se lembra daquela menina? Aquela que costumava a correr atrás de você, que se humilhava perante os seus amigos, aquela que te mandava mensagens de madrugada para o seu celular e você achava um saco. Sim, aquela que te amava e você a ignorava. Pois bem, ela cresceu. Hoje ela sabe o que quer, sabe as consequências de suas atitudes, e sabe muito bem deixar pra trás o que te faz mal. Hoje ela consegue viver sem você. Ela aprendeu o que é ter “amor próprio”, e se coloca em primeiro lugar. Pra você vê como as coisas mudam. E sabe o que ela está fazendo agora? Dando amor para quem merece, e sendo tratada como deve, como uma princesa; Outro cara ocupou o seu lugar, e fez com que ela saiba o que é ser amada de verdade.
— Anonimo (Via: Bemresolvida)
É muito difícil crescer numa família perfeita quando você não é perfeito.
Cinquenta tons de cinza.   (via reatou-se)
Já me acostumei a deitar a cabeça no travesseiro e espantar o meu sono com as minhas lembranças. Impossível esquecer aquela troca de olhares, dos abraços que tanto me fizeram tão bem. Inexplicavelmente você deixou um vazio dentro de mim que ninguém é capaz de preencher. Madrugada, aquela que a muitos amedrontam e a mim inspira, traz lágrimas, sorrisos e uma só saudade, e é com ela que eu tento conviver todos os meus dias na esperança do teu retorno.
Querido John.   (via estopins)
theme by wistica ©